quinta-feira, 31 de março de 2011

Ah! Que Dia!!!

Os Melhores Dias Ja Vividos Na Igreja Universal do Reino De Deus.........

Vamos Arrebentar..... para a Gloria do Nosso Maravilhoso Deus...



quinta-feira, 17 de março de 2011

Moisés roga a Deus a sua presença ...

Êxodo 33.12-17


Disse Moisés ao Senhor: Tu me dizes: Faze subir este povo, porém não me deste, a saber, a quem hás de enviar comigo; contudo, disseste: conheço-te pelo teu nome; também achaste graça aos meus olhos.


Agora, pois, se achei graça aos teus olhos, rogo-te que me faças saber neste momento teu caminho, para que eu te conheça e ache graça aos teus olhos; e considera que esta nação é teu povo.

Respondeu-lhe: A minha presença ira contigo, e eu te darei descanso.

Então, lhe disse Moisés: Se a tua presença não vai comigo, não nos faça subir deste lugar

Pois como há de saber que achamos graça aos teus olhos ,eu e teu povo?Não é, porventura, em andares conosco, de maneira que somos separados, eu e teu povo, de todos os povos da terra?

Disse o Senhor a Moisés: Farei também isto que disseste; porque achaste graça aos meus olhos, e eu te conheço pelo teu nome.

Percebe- se que Moisés se queixava sempre com Deus,com relação a sua Presença,pois,ele não aceitava estar só ,pois ele reconhecia que sem Deus ele não poderia prosseguir...

E Deus sempre fez questão de chamá-lo pelo nome, pois ele o conhecia, e havia achado graça aos seus olhos, Deus falava com ele frente a frente pois ele não era um estranho para Deus

E nos dias de hoje não é diferente, pois quem tem comunhão com Deus à pessoa fala com Ele e Ele fala com ela, ou seja, a pessoa se conecta com Deus, a pessoa não precisa de Pastor A, B ou C para falar o que ela tem que fazer, a pessoa que tem o Espírito Santo ela não é mais enganada, pois ela tem discernimento

A pessoa que tem o Espírito Santo, ela passa a ser orientadora ela não ouve os conselhos dos outros, pois ela tem dentro de si A fonte que é o Espírito Santo

Como será que Deus olha para nós?

Como ele olhava para Moisés?

Ou como um estranho?

Será que ele nos conhece pelo nome?

Por isso é necessário avaliar as nossas vida diariamente... Para que sejamos também como Moisés.

Para que Deus ache graça em nós... Muito Forte que honra é sermos chamado pelo nome por esse Grandioso Deus.

Vanessa Nascimento

Minha Felicidade *-*








Só O Espírito Santo Sabe como  eu fico feliz quando uma igreja Universal é inaugurada.......
Poxa para e pensa quantas almas serão ganhasssss
para muitos e loucura construir uma Catedral tão Linda dessa  em um pais tão pobre mais é um investimento que merece ser aplaudido de pé..... Não há limites para ganhar almas ...
Vamos Arrebentar...
Na Fé Vania

quarta-feira, 9 de março de 2011

VOLTANDO DOS RETIROS ESPIRITUAIS!



Hoje é “quarta feira de cinzas”, como a tradição costuma chamar esse dia, e com ela o carnaval termina.
Para muitas pessoas foram dias maravilhosos, de alegria, euforia, emoção, festa, encontros e felicidade. A grande maioria da população brasileira esperou o ano inteiro para poder “celebrá-la”. Aliás, dizem os especialistas, nosso país só começa mesmo a “funcionar” depois do Carnaval.
Durante cinco dias, querendo ou não, ficamos expostos pela mídia a todas as notícias “boas” desses últimos dias, sem contar que hoje ainda faltam ser divulgados os “grandes vencedores do Carnaval em todo país”. Mas, o que a mídia não vai mostrar, porque isso não lhes interessa, são os bastidores desses últimos dias.
O que nenhum canal de TV ou jornal vai fazer muita questão de mostrar são os milhares de adolescentes totalmente embriagados, vomitados de cerveja, jogadas num canto das principais ruas de nossas cidades ou milhares de moças abandonadas no fundo do salão de um clube qualquer. Adolescentes sem pais, sem família, sem amigos, sem perspectivas, sem sonhos, usadas como diversão nas mãos de gente sem vergonha e sem escrúpulos.
Claro que veremos como sempre algumas notícias sobre o número de mortos nas estradas (e quem sabe veremos cenas assustadoras), mas quem de nós saberá ao certo o número de mortes por assalto, por estupro, por briga de bar, por briga de rua, por causa de mulher, por causa de homem, por causa de nada?
Com certeza só as famílias das vítimas hoje estão chorando pelas mortes dos que sofreram overdose, dos que entraram em coma alcoólica e se foram, dos que tiveram morte cerebral após acidentes, dos que se mataram por causa da angústia, da solidão.
Mas, espere aí... vamos lembrar também que muitas pessoas (talvez você esteja entre elas) também estão voltando hoje de quatro ou cinco dias em que estiveram longe de toda essa “festa”, pessoas que estão voltando de Retiros Espirituais.

Lemos muitas vezes nos Evangelhos que Jesus se afastava das multidões que o seguiam e retirava-se para um lugar ermo onde pudesse entregar-se à contemplação. E por isso, milhares de pessoas fizeram a mesma coisa nos últimos dias: foram buscar forças e um renovação para suas vidas na presença do Senhor.
Para muitos foram dias de silêncio (talvez até solidão), de muita oração, leitura bíblica e muitas preleções desafiadoras. Muitos estarão compartilhando hoje que estiveram em um lugar onde houve “muita unção” e quebrantamento.
Mas, assim com Jesus que não ficava muito tempo afastado das multidões, hoje milhares de pessoas (e talvez você seja uma delas) está de volta ao seu “habitat natural”. Pessoas que estão descendo do “Monte da Transfiguração” para encontrar novamente um ambiente cheio de problemas, de lutas, de dificuldades.

E então, como vai ser essa volta? Todos os votos e compromissos assumidos nos últimos dias vão ser mantidos de pé, ou vamos “negar Jesus” no primeiro desafio ou tentação que surgir na nossa frente?
Toda “unção” e revestimento de poder vai ser usada para glória do Senhor num novo estilo de vida, ou isso vai ficar apenas como discurso para quando se estiver na companhia dos “irmãos” no próximo domingo?
Para muitos que pularam o Carnaval, a festa terminou e a única coisa que sobrou pode estar sendo uma enorme ressaca e uma terrível dor de cabeça. Mas, para os que estiveram realmente na presença de Deus, como esse novo dia vai ser encarado?

Espero que a chama que ardeu forte no seu coração nos últimos dias seja mantida com o mesmo ritmo: oração, leitura bíblica, quebrantamento e outras disciplinas espirituais. Caso contrário, só o que se ouvirá sobre a sua vida outra vez é que tudo não passou de “fogo sobre palha”.
Não deixe a chama apagar outra vez, mas busque a presença de Deus como se a sua vida dependesse disso, como o ar que você respira!

Lembre-se: o mesmo Deus que esteve com você naquele Retiro ou Acampamento, é o mesmo que estará esperando por você no recôndito do seu quarto!

Deus te abençoe!

Pr. Sérgio Müller

 
Ocorreu um erro neste gadget